A pastora Isa Reis acabou de voltar de férias ao lado da família dos melhores pontos turísticos de Paraty. Mal saiu do descanso e a esposa de Geldi Batista já tem que trabalhar contra ofensas que afirmou ser alvo de preconceito.

Ela mudou o visual e colocou algumas tranças, como é de costume das mulheres negras usar o acessório. Diga-se de passagem que o adereço da um toque mais. No entanto, bastou aparecer mais livre leve e solta depois das férias, que as invejosas de plantão, que nunca descansam, partiram para o ataque.

Na publicação da pastora Isa Reis, ela indaga se alguém já foi alvo de preconceito e fala do novo visual e da associação que as más línguas estão fazendo das suas tranças.

” Vamos falar rasgado:Alguém aqui já foi alvo de preconceito? Eu ouvi que até sou bonita mas meu jeito negra de ser… Ouvi que essas tranças me associam a feitiçaria”.

Isa Reis sai de férias em família e vira garota propaganda

A despeito de tudo e do preconceito a qual a pastora tem enfrentado ao longo do seu ministério, ela diz em um trecho da postagem que chegou a ganhar, prêmios na Bahia mesmo não sendo baiana, e comoas pessoas não entendem como com pouco estudo tenha chegado tão longe.

” Ouvi até qdo morei em Salvador,que como pode eu não ser baiana e ter tido tantas oportunidades lá inclusive o Prêmio Maria Felipa ,que ganhei pelos serviços sociais prestados ao estado.Grata sempre a @tiaeron. E há quem diga:menina vc é mulher,negra,não é rica ,não tem formação(ainda),como pode?”

Pastora famosa decide cuidar da sua família e breca volume de agendas

Quanto as tranças que a tem associado a feitiçaria, Isa Reis aproveitou para dar uma alfinetada em alguém que comeu a sua mesa e ainda lhe deve muito dinheiro por um imovel.

“Até li uma publicação de quem comia na minha mesa,que me deve um móvel caríssimo,e ainda se contrapõe sobre as tranças,e mudanças que me deixaram mais lindas,rs,a fala é: não use a bíblia pra descaracterizar a igreja”

Isa encerra a postagem dizendo que tais surpresas só acontece na sua vida por ser inocente demais. Contudo, assegurou que pode tudo no que Deus decidiu por ela.

Luto: Isa reis Lamenta morte repentina de pastora

Com sua legião de fãs, com uma história de sucesso e de vencer o preconceito, até mesmo no meio evangélico, sempre tem um dos seguidores que se identifica com a pastora.
Entre centenas de comentários, uma das internautas chegou a citar uma situação que envolvia seu cabelo.

” Menina, acredita a que um dia resolvi cortar o cabelo , cacheado, curto, eu amei, escutei de uma irmã de outra denominação que Deus não me amava mais pôr que eu tinha cortado o cabelo e Ele ama mulheres de cabelo comprido. Fiquei tão constrangida na hora, falou no meio de todo mundo, depois me bateu uma amargura”, escreveu a seguidora.