Um homem de 45 anos se dizendo ser o próprio capeta, invadiu uma igreja evangélica e espancou o pastor local. A Polícia foi chamada e levou o homem preso na manhã desta quinta-feira (09) em Patos de Minas.

Além de ter agredido o pastor, o “capeta” causou sérios danos nas dependências da igreja em vários pontos da igreja. O moço de 27 anos que se deparou com o encapetado teve ferimentos no rosto que acabou levado até o UPA e recebeu atendimento médico.

Copiar linkPastores boicotam cantor gospel e retiram do púlpito por ser mulherengo

A igreja evangélica na Avenida Brasi, em Patos de Minas e foi por volta da 6h50 que o capiroto invadiu o templo. De acordo com informações dos policiais que atenderam a ocorrência, quando chegaram na igreja se depararam com o homem usando a cabeça para quebrar os móveis do local.

Fiel Queima livros de Edir Macedo após ser expulsa de culto

Mediante a ordem de parar, dada pelo policiais ele disse que ele era o ”capeta” e não iria parar. O homem estava transtornado e aparentava ter problemas mentais. O pastor da igreja, contou para os policiais que foi surpreendido ao chegar na igreja com o homem já no local quebrando tudo.

Foi onde o pastor tentou conter o “capeta” para evitar maiores danos. Mas foi agredido com socos e chutes. Depois de ser espancado descobriu que sofreu uma lesão na rosto. O acusado deve responder por lesão corporal e danos materiais. Ele foi preso e entregue na delegacia da Polícia Civil.