Conecte-se conosco




CANTORES GOSPEL

Hacker aproveita de cantora gospel Vanilda Bordieri e pede dinheiro

Publicado

em

A cantora gospel Vanilda Bordieri usou a sua página no Facebook para dizer que teve o número do WhatsApp hackeado. Os bandidos queriam pegar dinheiro dos seus contatos, já que a cantora está engajada em um projeto social e está levantando fundos.

Sem perceber que se tratava de um golpe, Vanilda Bordieri acabou seguindo todos os procedimentos solicitados pelos bandidos. Mas graças a ação rápida, conseguiram ter de volta o número. Além disso avisaram todas as pessoas para que não fizesse qualquer transferência de dinheiro, mesmo vindo por parte dela.

"Esta segunda-feira foi um dia bastante agitado, porque tive meu WhatsApp hackeado, e como estamos fazendo uma campanha do Natal Solidário, uma pessoa passou um trote falando que era de um programa de TV, enviou um código como se fosse para fazer um preenchimento da minha participação e assim conseguiram hackear meu número. Já coloquei aqui na minha página o alerta para que ninguém faça nenhum tipo de depósito em meu nome. Graças a Deus consegui recuperar o meu número junto a operadora, e isso serve de alerta para todos. Fiquem atentos agora no final do ano com esse golpe, para não ser vítima"

Vanilda Bordieri não é a única vítima deste golpe que vem invadindo os noticiários policiais.

Outros artistas famosos também tiveram o WhatsApp clonado, como a apresentadora Adriane Galisteu, Celso Portioli e outros. Eles também precisaram avisar os contatos para que não realizasse depósito em suas contas.

Apesar de não ser inédito, o golpe ganhou destaque este ano no Brasil devido aos inúmeros relatos de usuários que foram vítimas de cibercriminosos. Somente no primeiro semestre de 2019, foram registradas mais de 134 mil tentativas de roubo de WhatsApp.

Para clonar uma conta de WhatsApp, os golpistas cadastram indevidamente o número de telefone do usuário em outro dispositivo e, após esse processo, um SMS contendo um código de liberação de acesso é enviado ao celular da vítima. Depois, ela é induzida a fornecer esse código ao hacker e, em seguida, a sua conta de WhatsApp é bloqueada.



O conteúdo do site é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.



Continue Lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *