Conecte-se conosco




Política

Bolsonaro quebra o protocolo em Desfile de Proclamação de Independência e recebe elogios

Publicado

em

7 de setembro, dia da independeência

Mais uma vez o presidente Bolsonaro surpreendeu a todo o país por quebra o protocolo por duas vezes nesta manhã. Hoje, dia 7 de Setembro é muito especial para os brasileiros, pois, se comemora em todo país a Proclamação da Independência e há o tradicional desfile em Brasília. O chefe da nação, decidiu caminhar durante o evento e sua atitude fez com que ele recebesse elogios dos presentes na comemoração.

Atentado contra Marco Feliciano no Congresso é impedido pela Polícia

Outra quebra de protocolo aconteceu ao levar o filho Carlos ao seu lado. Bolsonaro repetiu o gesto que fez no dia da posse da Presidência da República. Mesmo com as atitudes inusitadas durante o desfile , o presidente ouviu da platéia os gritos de "mito". Isto foi visto pelos veículos de comunicação como elogios no dia da Independência.

Mesmo com toda as polêmicas acerca das declarações do presidente, a comemoração ocorreu sem maiores problemas. Durante esta semana, chegaram a ocorrer rumores de que a platéia usaria roupas pretas em protesto. Porém, isto parece não ter acontecido em grandes proporções. A maioria usou vestimentas de várias cores.

Porém, em uma tentativa de demonstrar que ainda é relevante , o presidente teria pedido que os cidadãos usassem verde e amarelo. Para o ocasião em especial, ele teria feito o pedido para que os cidadãos demonstrassem patriotismo. Mas, nenhum dos grupos prevaleceu e a festa aconteceu normalmente.

Outras personalidades políticas, como o Ministro da Justiça Sérgio Moro e o empresário Luciano Hang participaram da caminhada. Nunca antes, em 30 anos que acontece o evento, um presidente havia feito tal ato.

Elogios à Bolsonaro à parte, o desfile da Independência já se tornou uma tradição. A comemoração se repete todos os anos no dia 7 de Setembro, e nos resta aguardar qual a nova iniciativa do presidente para o ano que vem. O público espera se o protocolo será quebrado novamente. 



O conteúdo do site é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.



Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

Presidente Bolsonaro recebe alta e diz que retoma a agenda do governo

Publicado

em

Bolsonaro sai do hospital

Após uma semana da cirurgia, que corrigiu uma hérnia intestinal, o presidente do Brasil teve alta. Bolsonaro chegou a gravar um vídeo dentro do hospital para falar sobre os assuntos do governo. Ele retoma sua agenda neste 17 de Setembro, mas Mourão continua no cargo até quinta feira.

+ Aparência de Bolsonaro após cirurgia deixa brasileiros chocados

O vice presidente Hamilton Mourão continua substituindo Bolsonaro, para que este possa se recuperar plenamente. Sua alta, tranqüilizou a todos os cidadãos do Brasil. Jair vai ter apenas de adiar um compromisso em sua agenda de governo da Presidência do Brasil.

Para corrigir um pequeno problema decorrente da facada que recebeu a mais de um ano, o líder da nação fez sua quinta cirurgia. O governante da nação saiu direto do Hospital Vila Nova Star, em São Paulo direto para Brasília. Ao chegar na capital do país, ele concebeu uma pequena entrevista.

Nesta pequena entrevista concedida no Palácio do Planalto, Bolsonaro disse que vai retomar a presidência nesta terça feira.

A equipe médica que realizou este último procedimento, o autorizou a continuar o procedimento em casa. A mesma equipe precisará fazer nova avaliação, por conta da viagem que o presidente fará à ONU.

As recomendações dos médicos são para que o governante adie sua viagem à Nova York em pelo menos um dia. Pois, ele irá discursar apenas no dia 24 de Setembro, na próxima terça feira. O indivíduo que representa o Brasil abre as falas no evento.

Mas, os compromissos nos EUA não acabam na ONU. Já no dia seguinte, o presidente viaja ao Texas para encontrar com empresários e militares. Bolsonaro vai retornar ao Brasil no dia 25 de Setembro. Ou seja, governar uma nação não tem descanso. Com menos de 10 dias de uma cirurgia delicada ele terá de cumprir uma agenda exaustiva. Restam apenas as orações dos brasileiros para que sua saúde fique totalmente recuperada. 

Continue Lendo

POPULAR