Conecte-se conosco




Polêmicas

Polícia coloca cabeça de pastor da Assembléia de Deus a prêmio

Publicado

em

Pastor procurado pela polícia
Polícia coloca cabeça de pastor da Assembléia de Deus a prêmio

Um pastor da Baixada Fluminense estaria ordenando ataques a locais de culto à religião. Segundo informações do Globo.com, o religioso seria da Assembléia de Deus. O mais curioso é que o grupo que estava destruindo os terreiros, se denominavam de Bonde de Jesus.

Ainda de acordo com o grande portal de notícias gospel, o Pastor Peixão estaria ligado à uma facção que domina um dos morros da região. Esta facção estaria promovendo os ataques aos terreiros de religião afro. Segundo imagens os integrantes do grupo estariam ligados à Assembléia de Deus.

De acordo com o delegado que está investigando a situação, Peixão teria substituído o líder da facção recentemente.

“Na falta de alguém mais importante dentro da facção, ele é um dos principais nomes da facção hoje”

Pastor Kleber Lucas recebe visita e gera polêmica

A intolerância religiosa no país é crime, e foi reconhecida como tal por Luís Inácio Lula da Silva. Em, 2007, em seu segundo mandato. A Constituição também prevê liberdade religiosa a todos os cultos. A Lei 9.559, discorre sobre inúmeras situações que são passíveis de punição no que toca impedir alguém de praticar sua religião.

Continue Lendo
2 Comentários

2 Comments

  1. Pingback: Polícia coloca cabeça de pastor da Assembléia de Deus a prêmio | Veja Aqui Agora

  2. Pingback: Luto | Morre pastor Mauricio Batista e gospel lamenta

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polêmicas

Igreja Universal (IURD) abre o jogo sobre o bispo Formigoni

Publicado

em

IURD explica polêmica envolvendo bispo Formigoni

A Igreja Universal do Reino de Deus (IURD), resolveu abrir o jogo sobre o bispo Formigoni, depois que o ex-pastor da instituição Alfredo Paulo, contou sobre a expulsão de um dos braços fortes de Edir Macedo.

Numa reunião que aconteceu na última quinta-feira (12) com pastores, Renato Cardoso genro de Edir Macedo e lider de confiança da IURD falou a versão dele do que aconteceu com o bispo Formigoni e porque ele não é mais bispo.

Renato explicou que o Formigon procurou a esposa, assumindo que havia tinha tido uma conduta inconveniente com trocas de mensagem com outra mulher. Ainda afirmou que teve acesso a essas mensagens, e por isso ficou comprovado que ele foi desonroso e que faltou respeito com a própria esposa, com a igreja e principalmente com Deus.

A Igreja A Universal lamentou o fato, mas de acordo com Renato Cardoso, não tinha como manter Formigoni como bispo, apesar de não ter tido contato físico, apenas mensagens

Sites de noticias gospel reproduziram o vídeo do bispo alfredo Paulo, inclusive tratando o afastamento do bispo formigoni como EXCLUSÂO. No entanto a IURD, mais vez teve que usar seu canais de comunicação e atravé da sua acessoria de imprensa esclareceu os boatos.

“Esclarecemos que não se pode afirmar se houve ou não “traição”. O que houve, foi uma troca de mensagens com conteúdo inapropriado para um oficial da igreja. É falso afirmar que a Igreja Universal do Reino de Deus o “excluiu”. Ele foi removido do cargo de liderança, a fim de dar uma oportunidade ao casal de cuidar da família, bem como da reparação do ministério”, pontuaram.

Lembrando que o bispo Formigoni , homem de confiança de EDir Macedoé aquele que fez a chamada Cura dos Vicios que levava as pessoas até o altar e oferecia todo tipo de drogas. ainda entrevistou um suposto demônio, que levou o suposto encapetado a falar que todas as outras igrejas evangélicas são falsas. Tal ato fez com que o Edir Macedo tivesse que vir a público pedir desculpas.

Continue Lendo

POPULAR