Conecte-se conosco




Geral

Massacre na Igreja Batista Shalom em Paracatu por ter sido motivado por briga em pastor e fiéis

Publicado

em

Briga de pastor e fiéis teria motivado massacre
Massacre na Igreja Batista Shalom  em Paracatú por ter sido motivado por briga em pastor e fiéis

O massacre que aconteceu em uma Igreja Evangélica em Paracatu MG chocou o mundo gospel. Segundo informações divulgadas uma bria entre o pastor dirigente e os fiéis teria motivado o assassino.

Segundo as últimas descobertas e publicadas nos maiores portais de notícias o motivo seria o massacre teria uma motivação de vingança. Um dos motivos seria o afastamento das atividades da Igreja Batista Shalom, em Paracatu, a 483 km de Belo Horizonte.

Outro que também teria motivado os assassinatos foi a remoção de Rudson Aragão  dos grupos de Whatsapp, com aval dos demais fiéis.

Mulher é esfaqueada e 3 pessoas morrem em templo evangélico Minas Gerais (MG)

Rudson Aragão Guimarães entrou no templo da Igreja Batista Shalom no dia 21 de maio e disparou contra três fiéis. Antes da atitude que antes era inexplicável, ele esfaqueou a ex-namorada, Heloisa Vieira Andrade. 

A Polícia Civil deu como concluído o  inquérito apresentado nesta sexta-feira (31) como este parecer.

Segundo as investigações que duraram 10 dias, "ficou evidenciado que a motivação dos crimes foi, realmente, o afastamento dele da posição de liderança da célula religiosa."

"Depois disso, indignado, ele começou a atribuir posturas inidôneas ao pastor Evandro através de mensagens de grupos de Whatsapp. A partir daí, o pastor removeu ele dos grupos de Whatsapp, o que causou mais indignação. Os demais integrantes não apoiaram o Rudson. Talvez, por isso, ele não tenha se dirigido somente ao pastor, mas ao próprio grupo", diz a conclusão do inquérito.

ainda no dia do massacre, 21 de maio, Rudson Aragão Guimarães foi até a casa da irmã, onde estava a ex-namorada Heloísa que foi esfaqueada. A ex-companheira do assassino também fazia parte dos trabalhos da Igreja Batista Shalom.

Logo após ter atacado a ex   Rudson Aragão foi a pé até a Igreja Batista Shalom , arrombou uma porta e atirou contra os fiéis. O pastor dirigente , Evandro conseguiu fugir quando percebeu que o criminoso havia entrado na Igreja.  

A delegada responsável pelo caso, Thays Regina Silva, descartou qualquer hipótese de crime passional contra a ex-namorada Heloísa.

"A Heloísa continuou participando de forma atuante na comunidade religiosa. Uma das coisas que pode ter potencializado esse sentimento de ira do Rudson é o fato de ela não fornecer empréstimos que ele vinha pedindo", diz a Polícia Civil. 

Logo na semana seguinte, terça-feira (28), a Polícia Civil cumpriu três mandados de busca e apreensão domiciliar. Os investigadores procuravam descobrir a origem da arma utilizada durante o ataque.

Conclui-se que foi uma garrucha calibre 36. A Polícia encontrou em um dos imóveis, armas de fogo. Também munições de calibre restrito e permitido, além de outros objetos. Um indivíduo foi preso no local, também objetos relevantes para a investigação.

Um homem que acabou sendo preso durante essa operação da Polícia Civil fez uma confissão durante o interrogatório. Ele foi quem teria fornecido a arma de fogo e munições para atirador. Inclusive a arma que teria sido utilizada na Igreja Batista Shalom .


O assassino Rudson Aragão Guimarães já teve a prisão preventiva decretada na última segunda-feira (27).

Ainda segundo a delegada responsável pelo caso, Rudson foi indiciado pela prática de quatro homicídios consumado. Também uma tentativa de homicídio. N depoimento, Rudson Aragão Guimarães preferiu ficar em silêncio.

Geral

Evangélica descobre tumor raro e Atriz global pede orações à amiga

Publicado

em

Ingredi Guimarães pede orações para Heloísa Perissé
Ingredi Guimarães pede orações para Heloísa Perissé
Tumor da Heioísa perissé

A atriz Ingrid Guimarães em sua conta do Instagram pediu orações para a amiga evangélica Heloísa Perissé. É a primeira vez que ela fala a respeito do do tumor da colega de trabalho. Heloísa Perissé que é evangélica, está com um tumor nas glândulas salivares.

Heloísa Perissé já começou o tratamento para a doença. E a amiga Ingrid Guimarães, que também é atriz, fez menção dela no dia de seu aniversário recentemente. A atriz que é evangélica, tem enfrentado o tumor com muita fé. Ingrid, reforçou o pedido de orações a todos os fãs e admiradores da colega.

“Hoje é o dia dela. Ela me deu um susto tão grande esses dias que me fez repensar toda nossa vida. Eu digo nossa, porque metade da minha carreira passei grudada nela” foram as palavras de Ingrid para a parceira de palco.

As duas já fizeram inúmeros trabalhos no teatro, cinema e televisão sempre juntas. A amizade entre as duas atrizes vem de longa e vai além do âmbito profissional. As duas conhecem a família uma da outra, e mantém ligação com os familiares.. Ingrid e Heloísa ficariam muito conhecidas ao protagonizarem inúmeras produções de humor.

“Fizemos sucesso, compramos nossas casas, tivemos filhos no palco, ganhamos programas na TV, no rádio, fizemos eventos, campanhas, ganhamos prêmios, choramos, rimos muuuito. Brigamos muuuuitas vezes mas sempre me batia aquele sentimento de que ela era minha família”.Foram as palavras de Guimarães, lembrando de todas as peripécias que já passou ao lado de Perissé.

Heloísa Perissé vai passar por sessões de radioterapia e quimioterapia para tratar do tumor nas glândulas salivares. E está confiante no resultado do tratamento.

A atriz Ingrid Guimarães também mostrou fé pedindo orações para a amiga data.

O fato de ser evangélica tem ajudado Heloísa a superar toda a situação com muita fé, pois doença é rara e necessita de muitos cuidados médicos. 

Continue Lendo

POPULAR